Vicinal que liga a SP-270 – Rodovia Raposo Tavares e o município de Ibirarema ao município de Campos Novos Paulista, a IBM-122, terá intervenções no tráfego neste sábado, 28, para serviços de recuperação de pavimento. O condutor deverá redobrar a atenção entre os quilômetros 2+400 e 9+100.  

Neste segmento, a equipe operacional mobilizará o sistema Pare e Siga. Nesta modalidade, o tráfego flui em uma faixa, em sentidos alternados. O local estará devidamente sinalizado e a operação alinhada com a ARTESP – Agência Reguladora de Transportes do Estado de São Paulo e terá o apoio do policiamento.

A orientação ao condutor é trafegar em velocidade reduzida pelo trecho, respeitar a sinalização e os comandos dos homens bandeiras. Em caso de chuva, o serviço será reagendado. A Concessionária recomenda também aos moradores de propriedades lindeiras atenção redobrada ao acessar a vicinal com relação à movimentação de maquinário.  

“A CART mantém um plano de intervenções rotineiro de manutenção das vias secundárias que integram o seu eixo rodoviário. São ramais de tráfego que servem para deslocamentos intermunicipais e escoamento da produtividade. Mantê-los conservados e em boas condições de trafegabilidade é um compromisso de nossas frentes de trabalho”, enfatiza Marcos Lanuti, coordenador de Operações da CART.  

Sobre a CART 

A CART administra as rodovias SP-225 - João Baptista Cabral Rennó, SP-327 - Orlando Quagliato e SP-270 - Raposo Tavares, no total de 834 quilômetros entre Presidente Epitácio e Bauru, sendo 444 no eixo principal e 390 quilômetros de vicinais. Em 2019, a empresa ganhou a 1ª colocação na categoria Segurança Rodoviária e está entre as 10 melhores Concessionárias de Rodovias do Estado de SP, de acordo com o ranking divulgado pela ARTESP - Agência Reguladora de Transportes do Estado de São Paulo, órgão que regulamenta e fiscaliza o Programa de Concessões Rodoviárias do Governo do Estado de São Paulo. As rodovias da CART contribuem para a expansão do comércio, indústria, do agronegócio, do turismo e da prestação de serviços nos municípios cortados pelo Corredor Raposo Tavares. Monitorada e 100% duplicada, a concessão confere segurança e agilidade no trânsito de cargas, conectando o Oeste Paulista com os principais pontos de escoamento da produção do Brasil.     

Por: Wilson Vieira