O presidente do Banco do Brasil (BB), Rubem Novaes, entregou pedido de demissão ao presidente Jair Bolsonaro e ao ministro da Economia, Paulo Guedes, informou a instituição em fato relevante. A saída será efetivada em agosto, em data a ser definida ainda.

De acordo com o comunicado, Novaes justificou seu pedido “entendendo que a companhia precisa de renovação para enfrentar os momentos futuros de muitas inovações no sistema bancário”.

Por Talita Moreira, Valor — São Paulo